sábado, 14 de outubro de 2017

Onde está você? 18/09/2017

Depois de tanta imaginaçao no ar
Tentar saber como é o rosto para poder sonhar
Fico pensando pq voce nao esta aqui comigo
Principalmente agora que eu mais preciso

Fica dificil ate de respirar
As dores no corpo nao me deixam pensar
Sinto falta deste teu olhar, que nao conheço
E nao saber o tua imagem,  é muito triste, reconheço

Muitas vezes fico imaginando
O quao bom seria estar te tocando
Seria como ir da terra ao ceu em um segundo
Um sonho para este pobre moribundo

Sera que tudo tem, realmente, um motivo?
Ou é algo bem mais subjetivo
Pois sinto que o feitiço de aquila sempre permanece
Chego perto, e quando vou tocar desaparece

É triste ficar assim
Em uma eterna busca que nunca tem fim
Viver nesta incansavel insatisfaçao
Que me mantem longe, muitas vezes ate sem razao

Sinto que o medo me consome
A vida esta indo e a esperança some
Um dia saber ao menos se você existe
Esta dúvida é que me deixa muito triste
Quero muito acalmar minha alma.
Pois sinto que sem você, nao posso nem bater palma

Nenhum comentário: